PERSONAGENS CLÁSSICOS DA DISNEY NO MOMENTO SELFIE

Série da ilustradora australiana Amanda Whitelaw, que recriou alguns personagens clássicos da Disney no “momento Selfie”. Detalhe que até os aparelhos celulares fazem referência aos filmes em questão.

A loja virtual da artista disponibiliza esses e outros belíssimos desenhos. Dá uma passada lá.

ARTE DE RUA EM FORMATO GIF

O fotógrafo espanhol A.L. Crego registrou diversos grafites por onde passou e resolveu dar um tratamento diferente às imagens. O resultado são 12 artes de rua em formato GIF que podem ser reverenciados logo abaixo.

Outros trabalhos de A.L. Crego, aqui.

A PRESEPADA DO THE WHO NO PROGRAMA SMOTHERS BROTHERS COMEDY HOUR

No dia 17 de setembro de 1967, o The Who se apresentou no programa The Smothers Brothers Comedy Hour com o single “I Can See For Miles” (que seria lançado em outubro do mesmo ano) e o hit “My Generation”.

E o que era pra ter sido um show de rock no quadro de humor dos irmãos Tommy e Dick Smothers quase terminou em tragédia quando Keith Moon preparou o bumbo de sua bateria para explodir no final da segunda música executada pela banda. Até aí tudo bem, esse era o combinado com a produção do show. O problema foi a falta de comunicação entre Keith e a equipe de palco, que já havia alterado o instrumento para a apresentação.

Com explosivos em dobro, a bateria estoura violentamente (aos 7:44 do vídeo), chamuscando o cabelo do guitarrista Pete Townshend e cortando a perna de Keith Moon. Uma tremenda presepada que entrou para a história. E pode ser assistida logo abaixo.

O ÚLTIMO SHOW DO KYUSS

No dia 9 de setembro de 1995, o Kyuss fez seu último show em Reggio Emilia, Itália, durante a Festa Dell Unita.

Na ocasião, a banda liderada por Josh Homme (guitarra) e John Garcia (vocais) abriu para o Soundgarden (substituindo o White Zombies). O fim das atividades seria decretado em 1997, após 4 álbuns de estúdio e longos desentendimentos entre os integrantes.

Ainda em 1997, Josh Homme e o baixista Nick Olivieri formariam o Queens of the Stone Age. Já o vocalista John Garcia passou pelos gupos Slo Burn e Unida.

Em 2010, Garcia, Oliveri e o baterista Brant Bjork anunciam a reunião da banda sob o nome Kyuss Lives!, chegando a se apresentar no Brasil. Dois anos depois, Josh Homme entra com uma ação judicial contra os ex-companheiros, que passam a se chamar Vista Chino.

Na sequência, a íntegra do último show do Kyuss (gravado no calor da plateia por uma câmera digital portátil), seguido da discografia completa do grupo. Enjoy.



Wretch (1991)



Blues for the Red Sun (1992)



Welcome to Sky Valley (1994)



…And the Circus Leaves Town (1995)



Kyuss/Queens of the Stone Age (1997)

A VERSÃO DO THE CURE PARA “HELLO, GOODBYE”, DOS BEATLES, ESPECIALMENTE PARA O TRIBUTO ‘THE ART OF MCCARTNEY’

No próximo dia 17 de novembro, Paul McCartney ganha mais um tributo dedicado tanto à sua carreira solo como aos grupos que marcaram seus 72 anos de vida (leia-se: Wings e The Beatles).

Em The Art of McCartney, nomes como Bob Dylan, Cat Stevens, Willie Nelson, Chrissie Hynde, Alice Cooper, B. B. King e até mesmo Perry Farrell revisitam o extenso catálogo de canções do eterno ex-baixista dos fab four.

Por aqui, destacamos a versão de “Hello, goodbye” feita pelo The Cure em parceria com James McCartney (filho do homem). Trata-se da primeira gravação inédita de Robert Smith e companhia em seis anos.



Abaixo, capas e o tracklist do tributo (com inúmeros formatos e edições diferentes).



1. Maybe I’m Amazed - Billy Joel
2. Things We Said Today - Bob Dylan
3. Band On The Run - Heart
4. Junior’s Farm - Steve Miller
5. The Long and Winding Road - Yusuf / Cat Stevens
6. My Love - Harry Connick, Jr.
7. Wanderlust - Brian Wilson
8. Bluebird - Corinne Bailey Rae
9. Yesterday – Willie Nelson
10. Junk – Jeff Lynne
11. When I’m 64 – Barry Gibb
12. Every Night – Jamie Cullum
13. Venus and Mars/ Rock Show – Kiss
14. Let Me Roll It – Paul Rodgers
15. Helter Skelter – Roger Daltrey
16. Helen Wheels – Def Leppard
17. Hello Goodbye – The Cure ft James McCartney
18. Live And Let Die – Billy Joel
19. Let It Be – Chrissie Hynde
20. Jet - Robin Zander & Rick Nielsen of Cheap Trick
21. Hi Hi Hi - Joe Elliott
22. Letting Go - Heart
23. Hey Jude - Steve Miller
24. Listen To What The Man Said - Owl City
25. Got To Get You Into My Life - Perry Farrell
26. Drive My Car - Dion
27. Lady Madonna - Allen Toussaint
28. Let ’Em In - Dr John
29. So Bad - Smokey Robinson
30. No More Lonely Nights - The Airborne Toxic Event
31. Eleanor Rigby - Alice Cooper
32. Come And Get It - Toots Hibbert with Sly & Robbie
33. On The Way - B. B. King
34. Birthday - Sammy Hagar

Faixas extras das edições limitadas em vinil (box set e deluxe box set)

1. C Moon - Robert Smith
2. Can’t Buy Me Love - Booker T. Jones
3. P.S. I Love You - Ronnie Spector
4. All My Loving - Darlene Love
5. For No One - Ian McCulloch
6. Put It There - Peter, Bjorn & John
7. Run Devil Run - Wanda Jackson
8. Smile Away - Alice Cooper

O ESTADO PROVISÓRIO DA LEVEZA

Gravity, série fotográfica assinada pelo estudante Tomas Januska que captura o estado provisório da ausência de peso nas mais variadas situações (dança, esportes, ou simplesmente saltando).

A BLUES SESSION DE PAUL MCCARTNEY, JOHNNY DEPP, ROY GAINES, AL WILLIAMS, DALE ATKINS, HANREE HARRIS, MOTOWN MAURICE E LIL POOCHE

Seguindo os passos de “Early Days”, seu mais recente videoclipe (patrocinado pela Microsoft), Paul McCartney divulga o outtake completo da gravação, que inclui uma blues session com participação do ator Johnny Depp e dos músicos Roy Gaines, Al Williams, Dale Atkins, Henree Harris, Motown Maurice e Lil Poochie. São 29 minutos de puro blues. Então tá, Macca.

“I happened to ring Johnny Depp…I said, ‘Come along and we’ll sit around and jam with these blues guys.’ He said, ‘Yeah, OK, count me in, man.’ I knew it was an offer he couldn’t refuse.”



O lançamento de Early Days, décimo sexto álbum solo de Paul McCarney, acontece no mês de outubro.